Palavras coreanas que vêm do português

Atualizado: Mai 13

Olá, olá, pessoal! Tudo bem? Apesar de serem completamente diferentes, no coreano há palavras que são parecidas/vieram originalmente do português, e mais tarde adaptaram-se para o idioma, e o post de hoje é justamente sobre isso. Será um post curtinho, mas espero que gostem e tirem algo novo daqui.

E não deixem de dar uma passadinha no canal da Helena, pra quem não conhece. Ela tem um ótimo conteúdo! Link para o vídeo na área de "fontes".


1. Pão (빵):


O pão que conhecemos hoje, foi levado à Coreia pelos japoneses, porém, quem levou o pão para o Japão, foram os portugueses. Antes da palavra 빵 (ppang), já havia uma outra palavra usada para "pão", todavia, ela se referia ao "bolo de arroz ocidental", feito por um holandês. A palavra em questão é 서양떡 (seoyangtteok), e foi utilizada para dirigir-se ao pão inclusive na tradução da Bíblia em coreano.


2. Tabaco (담배):


Essa foi uma palavra que, ao contrário de "pão", teve uma alteração considerável na forma de falar e escrever. O tabaco chegou à Coreia bem antes do pão, cerca de 200 anos antes, e também fora levado pelos portugueses ao Japão, que depois levaram para a Coreia.

A alteração se deu ao fato de que, naquela época, quem usava o tabaco era o pessoal da elite coreana, que, por sua vez, ainda utilizavam os caracteres chineses para escrever, apesar de já existir o 한글 (hangeul). Por fazer esse uso, a palavra "tabaco" acabou virando 담바고 (tambago), e após uns 200/300 anos, tornou-se 담배 (tambae), utilizada até hoje para referir-se ao cigarro.

3. Ursa (우루사):


Esta palavra é utilizada para referir-se a um remédio muito popular na Coreia. Por ser considerado o país onde as pessoas mais ingerem bebida alcoólica no mundo, com certeza eles precisam de algo que ajuda no cuidado do fígado e da ressaca, e é aí que o "ursa" entra. Pode parecer não haver nenhuma relação com a nossa palavra aqui, porém, antigamente, as pessoas acreditavam que tomar a bile do urso, era benéfico para a saúde. A retirada do líquido tinha que ser feita com o urso vivo (processo ilegal), o que ocasionava a viagem de muitos coreanos e japoneses à China para conseguirem o ingrediente. Claro que hoje em dia isso não existe mais.


Com o avanço da medicina e da tecnologia, pesquisadores conseguiram desenvolver uma versão artificial em laboratório, utilizada para a fabricação do remédio.


4. Tá bom (따봉):


Esse foi mais como um extra, porque tenho quase certeza que a maioria das pessoas sabem que os coreanos usam essa expressão e o por quê de usarem hahaha.

Na Coreia é muito comum ver os coreanos usarem o "tá bom" no dia a dia, e com um significado até mais forte que o que ele possui aqui no Brasil. Isso porque, na década de 80, uma propaganda de suco de laranja da marca Del Monte utilizou essa expressão para designar as laranjas aqui encontradas. De acordo com o comercial, o suco seria feito apenas com laranjas brasileiras. A partir daí, o "tá bom" passou a ser parte do vocábulo dos coreanos, e, apesar de ser menos, ainda é utilizado.


Fonte: https://www.youtube.com/watch?v=f-6eJKhj178&t=343s&ab_channel=Corean%C3%ADssima%EC%97%98%EB%A0%88%EB%82%98 #vocabulário #curiosidades #conhecimento #história #portuguêsxcoreano

69 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo